Ferramentas

Ulisses Wehby de Carvalho

Ferramentas

Não raro pedem minha opinião sobre livros, em papel e eletrônicos, dicionários e demais ferramentas para o aprendizado de inglês. Resolvi montar uma lista das ferramentas – livros em papel, e-books e sites – que utilizo com frequência. Dessa forma, facilito a minha vida e a das pessoas que me pedem as informações.

ferramentas

Decidi não chamar esta página de Biblioteca, e-Library ou nome semelhante porque não quero limitar a relação abaixo às obras tradicionais, haja vista as inúmeras opções de que dispomos hoje em dia. Espero que você goste. Se tiver interesse em saber mais sobre uma das indicações, clique no link para ler a resenha completa.

Dúvidas, vocabulário, gírias, expressões idiomáticas e phrasal verbs

  • Como não aprender inglês – De Michael Jacobs, trata-se de um clássico que revolucionou o ensino de inglês no Brasil. Coletânea de dicas para você não cair nas principais armadilhas da língua inglesa. Redigido em português, repleto de exemplos traduzidos e muito bom humor.
  • Como se diz chulé em inglês – Esta obra de Ron Martinez reúne 100 palavras e expressões em português de difícil tradução para inglês. Redigido em português, o livro traz referências históricas e culturais que explicam por que muitos termos não possuem equivalentes na língua inglesa.
  • Tirando dúvidas de inglês – Coletânea de perguntas de alunos brasileiros de inglês enviadas para Michael Jacobs. O inglês radicado no Brasil há mais de 30 anos responde a todas as elas sem rodeios.
  • Slang – Gírias atuais do inglês – Jack Scholes apresenta uma obra que reúne as principais gírias da língua inglesa. As explicações são dadas em português e os exemplos são traduzidos para facilitar a compreensão.
  • Phrasal Verbs – Como falar inglês como um americano! – Obra de Jonathan T. Hogan e José Roberto A. Igreja, este livro apresenta os principais phrasal verbs da língua inglesa. O livro oferece definição em inglês e em português dos verbetes além de exemplos traduzidos.
  • Break the Branch? – De Jack Scholes, o livro reúne palavras e expressões em português cuja tradução para inglês é mais difícil. O livro, que é redigido em inglês, tem o objetivo de explicar as peculiaridades da língua portuguesa para o estrangeiro.
  • Como dizer tudo em inglês – Um best-seller entre as obras de referência, esse livro de Ron Martinez oferece frases úteis em inglês e em português para diversas situações do dia a dia.

Tradução

  • Guia Tecla SAP: Armadilhas de Tradução – Livro eletrônico que reúne as palavras em inglês de tradução difícil ou pouco comum. Obra recomendada a tradutores, intérpretes e alunos de inglês de todos os níveis. As explicações são em português e todos os exemplos são traduzidos para facilitar a compreensão.
  • Guia Tecla SAP: Falsos Cognatos – Este livro eletrônico apresenta os principais falsos cognatos da língua inglesa, sempre acompanhados de explicação detalhada e exemplos traduzidos. Indicado para tradutores e alunos de inglês de todos os níveis.
  • Guia Prático de Tradução Inglesa – De Agenor Soares dos Santos, esta é uma obra de referência clássica para quem já é ou pretende se tornar profissional da tradução e de áreas correlatas. Indispensável!
  • VocabuLando – Obra de consulta imprescindível para o tradutor profissional. Todos os verbetes – palavras e expressões em inglês de difícil tradução – são recheados de sugestões em português para todos os contextos. Indispensável!

Gramática

  • Grammar – No Problem – Os principais temas gramaticais são apresentados nessa obra de forma clara, simples e direta. Redigido em português, o livro traz inúmeros exemplos traduzidos além de exercícios com respostas. Excelente para uso em sala de aula ou como reforço para estudo individual.

ferramentas

Pronúncia

  • Guia Tecla SAP: Pronúncia – Coletânea das principais pegadinhas de pronúncia da língua inglesa. As explicações em português oferecem dicas e macetes para você não escorregar na hora de pronunciar as palavras em inglês.
  • Curso de Pronúncia – Inglês Americano – De Adir Ferreira, esse material reúne explicações sobre o som das vogais, das consoantes e aqueles fonemas que mais confundem o aluno brasileiro. O material é composto por arquivo em .pdf mais 118 arquivos de áudio no formato .mp3.

Futebol / Esportes

  • Soccer Terms and Expressions – Material desenvolvido por Tim Barrett e sua família. A atividade simula uma família americana assistindo a uma partida da seleção brasileira na Copa. Você ouve os diálogos, repete as frases em inglês e acompanha o texto no .pdf.
  • O inglês na marca do pênalti – Nesse livro, reuni as principais expressões esportivas do inglês que transcenderam o mundo dos esportes e são usadas em outros contextos. Conheça as principais expressões de beisebol, futebol americano, atletismo etc. que são usadas em textos de economia, política, marketing, finanças, entre outras áreas.
  • Glossário de termos de futebol – De Eduardo Araújo, este glossário de 417 páginas (português > inglês e inglês > português) oferece explicação nos dois idiomas das principais palavras e expressões do futebol. De material esportivo às gírias do esporte; tudo o que você precisa saber sobre futebol em uma só obra.

Humor

  • Aprenda inglês com humor – Os micos que você não pode pagar – Neste livro eletrônico, reuni 101 micos de inglês enviados pelos leitores do Tecla SAP. Os relatos de situações constrangedoras vividas por quem não domina o inglês tem o intuito de divertir, instruir e evitar que mais pessoas caiam nas mesmas armadilhas.
  • Sorria, você está praticando inglês! – Este livro de Mark G. Nash e Willians Ramos Ferreira traz uma coleção de piadas em inglês. As principais palavras e expressões são traduzidas para facilitar a compreensão. Você aprende inglês sem perceber e dando muita risada.

Ferramentas online

  • OneLook: O Google dos dicionários – O OneLook não é um dicionário online tradicional. Trata-se de uma ferramenta de busca que pesquisa em mais de mil dicionários a palavra ou expressão que você digitar. Desde termos genéricos até expressões de economia, medicina ou contabilidade, o OneLook encontra a obra de referência ideal que tem a resposta para a sua dúvida. Experimente. É grátis!
  • Como pesquisar no Google – Escrevi este texto para que você não se deixe enganar pelo resultado de uma pesquisa superficial no Google. Esclareça sua dúvida de inglês pesquisando apenas em sites confiáveis. Conheça os principais comandos de buscas avançadas e aprenda a separar o joio do trigo.
  • Google Translator e a Copa – Seria o Google Tradutor confiável? Saiba como usar a ferramenta com segurança e sem sustos.

Gostou dessas informações? Sinta-se à vontade para expressar sua opinião sobre qualquer uma das obras citadas acima na seção de comentários. Críticas e sugestões são sempre bem-vindas. Se preferir, clique apenas nos ícones das redes sociais à esquerda para recomendar esta página aos amigos. Obrigado!

Em tempo, as fotos são meramente ilustrativas e não foram tiradas na minha casa!

IMPORTANTE! Recebo, sim, uma pequena comissão quando algumas dessas obras são adquiridas porque sou membro de programas de afiliados. O preço do produto, no entanto, é o mesmo, ou seja, ninguém paga nem um centavo a mais por adquirir um livro clicando em um link aqui. Além disso, só indico as obras que conheço de fato e as que consulto com regularidade. Repito: não recomendo aquilo em que eu não acredito.

  • Henrique Nobre

    Olá Ulisses!
    Li em um livro técnico sobre áreas alagadas este trecho: “peatland types (marsh, swamp, fen, and bog)”. Parece existir em inglês diferença (técnica?) entre os termos (marsh, swamp, fen, bog). O dicionário Houaiss não dá diferença técnica entre possíveis traduções como pântano, brejo e charco. Só mangue, que tem solo igualmente alagado, é tecnicamente diferente. Que tradução você sugere para cada um daqueles termos em português? E peatlands pode ser traduzido como áreas alagadas? Obrigado. (Caso queira verificar na internet, o livro é Biology of peatlands. O trecho estava numa amostra do conteúdo).

  • Mateus, como vai?

    Eu não conheço… 🙁

    Abraços

  • 🙂 Abraços

  • Márcia, como vai?

    A substituição de “those” por “them” é algo bastante comum no inglês informal. Evita-se esse uso no padrão formal da língua inglesa, também chamado de Standard English. Bons estudos!

    Abraços

  • Márcia, tudo bem?

    Devo gravar um vídeo em breve sobre esse assunto. Essa dúvida é bastante frequente. Se possível, registre seu pedido no rodapé deste vídeo: https://youtu.be/v6rQAEHVEt8 Estou concentrando os pedidos ali para facilitar o trabalho. Muito obrigado pelo interesse.

    Abraços

  • Pingback: ()

  • Ana, tudo bem?

    Muito obrigado pela mensagem simpática. Transparência é fundamental.

    Abraços

  • Christine Nazareth

    Estou sempre tão ocupada que nunca vim aqui dizer pro Ulisses que espetáculo de trabalho você faz. Thanks a million. Só de passear no seu site encontrei dezenas de links fantásticos, que eu nem sabia existirem. A droga é que agora vou ficar mais ocupada ainda. Thanks, anyway. You rock!

    • Christine, tudo bem?

      Agradeço a gentileza de comentar. Muito obrigado pelo elogio ao trabalho. Falo em nome de todos os colabores do Tecla SAP.

      Abraços

  • Fernanda

    Boa noite!! Estou fazendo um trabalho cientifico relacionado ao tabagismo e gostaria de saber como os ingleses e americanos falam cigarro de palha, cigarro industrial e fumo em corda.
    Muito obrigada.
    Fernanda

  • Gisele Santos

    Ulisses mais uma vez prestando um bom serviço a comunidade. Obrigada pelo seu excelente profssionalismo!

    • Ulisses Wehby de Carvalho

      Gisele, como vai?

      Muito obrigado pelo feedback sempre muito simpático. É um prazer muito grande ficar sabendo que tem gente que não só presta atenção, mas também reconhece o trabalho.

      Abraços

  • Ulisses Wehby de Carvalho

    Danni, tudo bem?

    As dúvidas de inglês são esclarecidas no Fórum Tecla SAP em http://www.teclasap.com.br/forum. Lembre-se de sempre dar alguma informação sobre o contexto.

    Abraços

  • Ulisses Wehby de Carvalho

    Ingrid, como vai?

    Obrigado pelo feedback gentil. Agradeço em nome de toda a equipe Tecla SAP.

    Abraços

  • Ulisses Wehby de Carvalho

    Maria Izabel, tudo bem?

    Obrigado pelo interesse. Terei o maior prazer em responder no Fórum Tecla SAP em http://www.teclasap.com.br/forum/

    Existe uma área só para temas sobre tradução. Obrigado.

    Abraços

  • Ulisses Wehby de Carvalho

    Adriano, tudo bem?

    Há tantas opções que seria até injusto recomendar um deles! Além disso, não sei quais são as suas necessidades específicas e interesses. A melhor coisa a fazer a meu ver é visitar uma livraria especializadas, caso você more em cidade grande ou então visitar o site da Disal, caso você more em cidade de qualquer tamanho. O link para, por exemplo, o livro “Como dizer chulé em inglês” de Ron Martinez xé este: http://www.disal.com.br/detalhes/index.asp?codigo=163406.2&alc=1&comis=59147ZDlYbxnfYhEiLvhipATGTGHkIaerpALvzwN

    Abraços

  • Débora Guimarães

    Olá Ulisses, tenho apenas que agradecê-lo por compartilhar estas indicações tão importantes para o aprendizado e aprimoramento da língua. Há algum tempo acompanho o seu trabalho e desejo muito sucesso para você!

    • Ulisses Wehby de Carvalho

      Débora, tudo bem? Obrigado pelas palavras simpáticas. Volte mais vezes e comente sempre que puder.

      Abraços,

  • Marco Azevedo

    Oi Ulisses, eu tenho duas sugestões de ferramentas para auxiliar no estudo de inglês. A primeira é um portal chamado engvid (www.engvid.com). São vídeo aulas gratuitas ministradas por professores nativos da língua inglesa. E a outra é o ESL podcast (www.eslpod.com) com centenas de podcasts de diferentes assuntos também gratuitos. Os acima citados juntamente com o TeclaSAP formam a minha fonte de estudo diária. Dedico por volta de 15 minutos do meu dia ao estudo de inglês intercalando entre os três portais.

    Abraços.

    • Ulisses Wehby de Carvalho

      Marco, tudo bem?

      Obrigado pela visita e pela colaboração. Volte mais vezes e comente sempre que puder. Valeu!

      Abraços

    • Mauro

      Perfeito. Também utilizo o engvid, principalmente quando precisei estudar para o IELTS.

  • José Emanuel

    Ulisses gostaria de saber como dizer em inglês a expressão “uma vez que”. Exemplo: Uma vez que o projeto não foi aprovado, ninguém pôde publicar seus artigos.

  • Ju Hope

    Really thankful for your tips. It will be very useful to me.
    I love your page. Blessed be.

    • Ulisses Wehby de Carvalho

      Ju, tudo bem?

      Obrigado pelas palavras simpáticas. Volte sempre!

      Abraços