Pagando Mico: Canudinho

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Contribuição anônima

Esta aconteceu comigo, em minha primeira viagem aos Estados Unidos. Recém-formada em uma grande escola de inglês e portando certificados internacionais, sentia-me confiante no meu domínio do inglês… britânico! Aprendi muita gramática (o que foi excelente para minha futura carreira como tradutora) mas não sabia algumas palavras óbvias.

A primeira vez que fui a uma lanchonete e pedi um refrigerante em solo americano levei um choque! Em vez de uma pergunta gramaticalmente correta, ouvi algo como “WANNASTRAW?”

Sem entender nada, pedi ao rapaz que repetisse a pergunta. A partir daí, pude decifrar que ele me oferecia algo (A STRAW?) que eu sequer imaginava o que fosse. Ainda mais depois do ditado “IT’S THE LAST STRAW THAT BREAKS THE CAMEL’S BACK“. Meu Deus! Será que eu entendi bem? Ele está me oferecendo “palha”?

canudinho

Meio sem paciência e repetindo a pergunta di-da-ti-ca-men-te, ele usou o método áudio-visual… e descobri, maravilhada, que ele me oferecia um prosaico canudinho!

Posso até me esquecer do meu próprio nome, mas juro que nunca mais esqueci de como se fala “canudinho” em inglês.

E por falar em canudinho, quando contei essa história para uma amiga, ela a achou muito engraçada e me disse que também tinha tido um problema semelhante.

Com canudinho?, perguntei. Você também não sabia como dizer isso em inglês? Eu não, mas arrisquei… gesticulei.. e pedi… “A LITTLE TUBE”! Pode?!? 😉

Cf. Textos Mastigados
Cf. Micos em inglês: O canudinho quebrado
Cf. Brasileira paga mico em lanchonete na Flórida…

Referência: “Aprenda inglês com humor – Micos que você não pode pagar”, de Ulisses Wehby de Carvalho, ©Tecla SAP, 2012. Leia a resenha.

Quem é que nunca deu uma bola fora ao falar inglês? Os relatos de situações constrangedoras vividas por quem ainda não possui domínio da língua inglesa têm o objetivo de divertir, ensinar e evitar que mais gente caia nas mesmas armadilhas. Se você conhece um caso parecido, envie sua contribuição para [email protected]. Nomes e e-mails não são divulgados nesta seção.