Micos em inglês: Musse de maracujá

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Anônimo

Mesmo morando nos Estados Unidos há quase três anos, ainda me confundo com a pronúncia de algumas palavras. Há alguns dias, fizemos um churrasco na minha casa e preparei musse de maracujá para sobremesa. Um amigo se deliciando com o doce, olha pra mim e pergunta:

– Did you use fresh fruit to make it? (Você fez a musse usando a própria fruta?)

musse de maracujá

E eu respondo:

– No, I used poop.

Todo mudo em volta caiu na gargalhada e começou a dizer Ew! (Eca!). Só aí me toquei que em vez de dizer pulp (polpa), eu disse poop (cocô).

Cf. Pronúncia: DESSERT x DESERT (v.) x DESERT (n.)
Cf. Como se diz “dar água na boca” em inglês?
Cf. O que a gíria “PARTY POOPER” significa?
Cf. Guia Tecla SAP: Pronúncia

MORAL DA HISTÓRIA: Além de “polpa”, “PULP” quer dizer também “celulose”. Não deixe de conferir a dica “O que “PULP FICTION” significa?“. Ouça a pronúncia das palavras no Macmillan Dictionary, clicando em “PULP” e “POOP“. Chocolate mousse anyone? 😉

Se você gostou dessa história e quer ler outras semelhantes, conheça o livro “Aprenda inglês com humor – Micos que você não pode pagar“, de Ulisses Wehby de Carvalho, lançado pela Disal Editora em 2012.

Quem nunca deu uma bola fora ao falar inglês? Os relatos de situações constrangedoras vividas por quem ainda não possui domínio da língua inglesa têm o objetivo de divertir, ensinar e evitar que mais gente caia nas mesmas armadilhas. Se você conhece um caso parecido, envie sua contribuição para [email protected]. Nomes e e-mails não são divulgados.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

18 Comentários
Newest
Oldest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
trackback

[…] Cf. Micos em inglês: Musse de maracujá […]

trackback

[…] Cf. Micos em inglês: Musse de maracujá […]

Denise
Denise
8 anos atrás

Difícil é entender a diferença entre a pronuncia de Pulp e Pop.

Milita Maciel Mallio
Milita Maciel Mallio
8 anos atrás

Cometi um erro besta e vergonhoso em Londres, há muitos anos. Estava em uma lanchonete e, em vez de pedir um “napkin”, pedi um “kidnap”. Ô vergonha ! Procurei um buraco para me enfiar rsrsrs

Juliane
Juliane
8 anos atrás

Adorei o site, esta cada vez melhor! Me divirto muito com os micos, estou aprendendo cada dia mais com os conteudos e com o email que recebo. Parabens, seu site é completo e riquissimo!

Jandira Pimentel
Jandira Pimentel
8 anos atrás

Parabéns, Ulisses, pelo ótimo trabalho!!! Todos os dias aprendo com você. Você está sempre trazendo coisas novas e úteis para nós! Abraços e sucesso, sempre!
Jandira

Anderson Santos
Anderson Santos
8 anos atrás

Esta história me lembrou uma hora q passei em um intercâmbio. Estava indo de Paris para Londres quando os agentes de imigração Londrinos começaram a fazer varias perguntas para mim Fiquei uns 5 minutos só respondendo perguntas enquanto outras pessoas passavam na maior facilidade. As coisas mudaram qdo me perguntaram onde eu trabalhava. Respondi em alto e bom tom “poop company”. Eles começaram a rir e logo eu percebi que tinha cometido algim erro. Tentei concertar explicando que era o material usado para fazer papel, mas nem precisou . Rindo ainda, me liberaram para pegar o trem…. Foi divertido…

Patrick
Patrick
8 anos atrás

Ótimo site, acompanho vocês sempre, aprendo muito… Parabéns!!!

Bruna
Bruna
8 anos atrás

Ah, que site bacana. Adoro, sempre que posso dou uma conferida, indispensável. Parabéns e obrigado pelo conteúdo riquíssimo!

Juvinete
Juvinete
8 anos atrás

Adoro seu blog! Obrigada por compartilhar seus conhecimentos.

Renata Satil
Renata Satil
8 anos atrás

Estou adorando aprender com vocês!

William Shelton
William Shelton
8 anos atrás

E, eu, aqui, no Brasil, nunca peço aquela agua gostosa na praia porque tenho muito medo de confundir a pronuncia de coco e cocô… 🙁

Gabriel Piza
Gabriel Piza
8 anos atrás

Muito boa essa!!!…

Parabéns pelo site, esta cada vez melhor!!!

Selma Boiron
Selma Boiron
8 anos atrás
Reply to  Gabriel Piza

Hahahahaha E eu fiz o ‘contrário’: ensinei a um grupo de texanos q côco e cocô são qse iguais c/diferença só na sílaba tônica e eles se divertiam pedindo ‘água de cocô’ ao vendedor, fazendo de conta q eles não sabiam a diferença, um ‘auto-mico’ rssr Abs, ÓTIMO site, parabéns, sempre bom! 🙂