Pois, não! Como dizer “pois, não” em inglês?

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Ron Martinez

Pois, não!

Por ser tão comum, a frase “Pois, não!” é uma das mais confusas na língua portuguesa.

pois, não!

Em 1999 fui contratado por uma empresa em São Paulo. Sendo cidadão americano, no entanto, eu não podia entrar no Brasil até sair o visto temporário de trabalho para estrangeiros. Enquanto este não saía, passava meu tempo, entre outras coisas, preparando-me para a viagem, estudando português. Como eu já falava espanhol fluentemente, achei que seria fácil. Tudo parecia mais ou menos igual, afinal de contas: sol era “sol”, camisa era “camisa”, nariz era “nariz”. Claro, havia algumas diferenças gramaticais e fonéticas, mas o léxico parecia “moleza”. Isso até eu ligar um dia para aquela empresa em São Paulo e ter minha primeira experiência ao telefone, em português.

Na empresa, eu contava com somente uma pessoa que falava inglês, e tinha o número de telefone direto da sala dessa pessoa. Eu ligava e meu contato atendia – o sistema funcionava bem. Um dia, contudo, liguei e só chamava e chamava, até a ligação ser redirecionada à recepcionista, que atendeu assim:

– Empresa X, boa tarde.
Hello?
– Empresa X, boa tarde.
– Ahem… I… eu, eu necessito hablar – falar – com a Fulana, por favor.
– Blah, blah, blah…

(Foi o que eu entendi.)

– Sorry? Como?
– Blah, blah, blah almoço.

(Ah! “Almoço!” Deve ter saído para almoçar, pensei.)

– Ah. Am… eu…. eu puedo – posso – deixar um recado por favor?
– Pois, não!

(E eu, claro, escutei apenas o “não”. Falei errado, pensei.)

– Posso, por favor, deixar um recado… por favor?
– Pois, não!
– Como? Posso…
– Pois, não, senhor!

Nervoso e atônito, desliguei o telefone.

É claro que depois aprendi que “Pois, não!” é uma frase que se fala no Brasil para dizer, entre outras coisas, “às ordens” e “estou pronto para atender”. A locução expressa, na verdade, um “sim” muito educado. Em inglês, não existe nada igual. Na situação descrita, por exemplo, seria dito algo como a frase a seguir:

  • Pois, não!
  • Sure, go ahead. (+/-)

Porém, quando um atendente de uma loja recebe um cliente e fala “Pois, não!”, a tradução é outra:

  • Pois, não!
  • May I / Can I help you? (+/-)

Fora os contextos comerciais, a frase é expressa como “certamente que sim”:

  • Pois, não!
  • Of course.
  • A: Posso passar?
  • A: Can I get through?
  • B: Pois, não!
  • B: Of course.

E também como fórmula de gentileza, quando se é chamado por alguém considerado seu “superior”:

  • Pois, não!
  • Yes, sir? / Yes, ma’am?
  • A: Cleide!
  • A: Cleide!
  • B: Pois, não?
  • B: Yes, sir?

Resumindo, “pois, não!” é um “sim”, falado com gentileza. Uma frase parecida é “pois, sim!”, que, na verdade, significa “não”. (Depois dizem que inglês é complicado.)

Cf. Cadê? Como se diz “cadê?” em inglês?

Cf. Inglês Made in Brazil: baby look e outras invenções brasileiras

Cf. Madrugada: como dizer “madrugada” e “madrugar” em inglês?

Speak up! We’re listening…

O que você achou da dica sobre “Pois, não!” do Prof. Ron Martinez? Nós do Tecla SAP gostaríamos de saber se as informações foram úteis para você ampliar seu vocabulário. Escreva um comentário no rodapé da página. Muito obrigado.

Referência: “Como se diz chulé em inglês?” de Ron Martinez – Editora Campus/Elsevier, 2007. Leia a resenha para obter mais informações sobre a obra. Adquira seu exemplar com conforto e total segurança no site da Disal Distribuidora.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

15 Comentários
Newest
Oldest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
trackback

[…] Cf. Pois, não! Como dizer “pois, não” em inglês? […]

Neusa Cardoso
Neusa Cardoso
6 anos atrás

De fato,
sem vírgula.

Luíza Cláudia Marinho
Luíza Cláudia Marinho
6 anos atrás

Rá, vivo explicando pra minha priminha que “pois não” quer dizer sim e que “pois sim” quer dizer não! Ela sempre quer saber o porquê d’eu viver falando as duas expressões.

José Ricardo dos Santos Júnior
José Ricardo dos Santos Júnior
6 anos atrás

Boa tarde Ulisses, gostaria de saber o que significa Cleide nesse contexto, pois não entendi o que tinha querido escrever.

Pablo Daniel
Pablo Daniel
6 anos atrás

Cleide é o nome de uma mulher.
Quando você chama uma pessoa pelo nome ela educadamente responde “pois não”
Exemplo:
Alguem fala
– José Ricardo
Você responde
– Pois nao!

José Ricardo dos Santos Júnior
José Ricardo dos Santos Júnior
6 anos atrás
Reply to  Pablo Daniel

Valeu!

Nadya
Nadya
6 anos atrás

È assim mesmo, rs, o” pois não” e o”pois sim” enrolam os estrangeiros. Ulisses…amei ter encontrado você. Suas dicas são ótimas. Gostaria que falasse sobre a palavra Paz. Um dia cumprimentei em inglês um amigo dinamarquês no seu aniversário e além do blá blá convencional acrescentei muita “Paz”, hehehe, Ele estranhou e comentou com uma amiga comum brasileira …”estamos em guerra?”. Um abraço e uma boa semana.

antonio gomes lacerd
antonio gomes lacerd
6 anos atrás

Ulisses, bom dia! Ulisses eu gostaria de saber qual o correspondente, em inglês, aos nossos: o bicho vai pegar e o bicho está pegando! Tenha um bom dia e uma boa semana!

Isa de Oliveira
Isa de Oliveira
6 anos atrás

Adorei o post! A gente – falante de português – raramente pensa no tamanho da confusão que uma frase com “não” que na verdade significa “sim” pode causar! =P

Só um palpite… acho que o “Pois não”, da interjeição apresentada nesse post, é escrito (e falado) sem a vírgula… senão, o não acaba virando NÃO, de verdade, né?

Toda essa história de NÃO e SIM ao contrário me fez lembrar da crônica “Pá, pá, pá” do nosso incrível Luis Fernando Veríssimo, em “Comédias para se ler na escola”.

Se interessarem, tem um e-book disponível nesse link: http://www.cursoacesso.com.br/wp-content/uploads/Luis-Fernando-Verissimo-Com%25C3%25A9dias-Para-Se-Ler-Na-Escola.pdf

(espero não ter problema divulgar links pra outros sites aqui…) =]

Ana Cybele
Ana Cybele
6 anos atrás

Nossaaa!!! Li esse livro (emprestado) há anos e nem lembrava disso! Muito brigada pelo link!!! Morriiiii!!!!!!! “(…) E vocês, que escrevem ´tough´e dizem ´tâf´?” hahahahahahahahahahahah
Veríssimo dispensa comentários!

Luana
Luana
6 anos atrás

voce tem algum post contando sua história com o porque foi vir pro Brasil? gosto muito dos seus posts

Silva
Silva
6 anos atrás

Super divertido !! aprender rindo é prazeroso !!!

Ricardo Silveira
Ricardo Silveira
6 anos atrás

Ron e Ulisses, bom dia!

Sempre tive plena consciência dessas – e de outras – distinções entre o português e o inglês. O “pois não” e o “pois sim” não são exceções. Mas nunca me detive a pesquisar a natureza destas últimas. Contudo, o meu “feeling” imediato, de nativo do português que vive tentando encontrar as possíveis correlações entre uma língua e a outra, é que “pois” se explica, na locução, pelo seu uso mais corriqueiro no português de Portugal (bem menos no de Brasil), onde a palavra introduz um pensamento, uma ideia. Pois, vamos discutir este assunto com mais profundidade. E, na locução em questão, ela serve mesmo de introdução, como quem dissesse: “Ora, como vou dizer um não para a sua solicitação?” Da mesma forma, o inverso com o “pois sim”: “Ora, como vou dizer um sim para a sua solicitação?”

Ana Cybele
Ana Cybele
6 anos atrás

Interessante!!!

João Dias
João Dias
6 anos atrás

Muito bom… grato.