Harry: a pronúncia de Harry e o R retroflexo

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Ulisses Wehby de Carvalho

Harry e o R retroflexo

Eu estava assistindo à transmissão, em língua portuguesa, de uma partida de futebol do campeonato inglês outro dia. Ao falar sobre um dos jogadores em campo, o capitão do Chelsea John Terry, o comentarista cometeu um deslize de pronúncia muito comum entre os brasileiros. Ele falou algo parecido com /TÉU-ri/. Mas o que Harry tem a ver com futebol? Calma aí, Severo Snape, que eu chego lá… 😉

harry

Harry e Terry são dois nomes comuns que possuem o “R” retroflexo. Uma rápida consulta ao dicionário nos mostra que retroflexo significa “dobrado ou curvado para trás”. Para quem não se lembra das aulas de língua portuguesa nos seus mínimos detalhes, é só pensar naquele “R” mais comumente encontrado, em especial, na fala de paulistas e mineiros. É aquele de “porrrrta”, “porrrtão” e “porrrteira”. Sabe qual é?

Mas vamos voltar a falar da pronúncia de Harry. Por não termos palavras na língua portuguesa com sons semelhantes aos de, por exemplo, Larry, JerryTerry, os lusófonos iniciantes no estudo da língua inglesa tendem a transformar o som desse “R” retroflexo em “R” vibrante simples alveolar. “Vibrante simples alveolar”? Como é que é o negócio? O vibrante simples nada mais é do que o “R” em “Araraquara”, “barato” e “pereira”. Fica mais natural e cômodo, portanto, fazer essa adaptação, principalmente para quem ainda não reconhece todos os sons da língua estrangeira.

O problema não acaba aí. Além de transformarem um retroflexo em vibrante simples, muitos iniciantes inserem a letra “U” antes desse “R”. Harry acaba virando algo como /HÉU-ri/ ou /HÉU-i/ e Terry fica /TÉU-ri/ ou /TÉU-i/. É ou não é? Aposto que você já falou assim um dia ou já deve ter ouvido muita gente pronunciar essas palavras desse jeito. Ou você já se esqueceu da primeira vez que falou “morango” em inglês? Saiu ou não saiu algo como /strau-BÉU-ri/? 😉

Com o passar do tempo e o maior conhecimento dos sons da língua inglesa, muitos alunos passam a pronunciar esse “R” como retroflexo mesmo, mas não abandonam o “U” de apoio. Nesse estágio, a pronúncia de Harry passa de /HÉU-ri/ para /HÉU-rri/, mais ou menos da forma que o comentarista pronunciou o nome de John Terry (foto) durante a transmissão. Não uso os símbolos do IPA aqui pelas razões expostas no post “Como pronunciar as palavras em inglês?“, mas acho que está dando para entender, não é?

harry

Você, leitor do Tecla SAP, agora já sabe que não há “U” nos nomes próprios HarryTerry, Barry, Larry, Jerry, Mary nem nos substantivos berry, ferry, cherry etc. e vai, a partir de agora, caprichar ainda mais na pronúncia dessas palavras. Segue uma relação de termos que se enquadram nessa categoria para você ouvir as pronúncias americana e britânica, segundo o Macmillan Dictionary. A intenção é fazer com que você acabe com as dúvidas de uma vez por todas e fale inglês com muito mais confiança:

Alías, vale lembrar que todo “R” inicial em inglês é retroflexo. Muitos iniciantes, no entanto, acabam falando hound (cão farejador) quando querem, de fato, dizer round (redondo). Lembre-se, portanto, que ham (presunto) é bem diferente de ram (carneiro reprodutor) e hear (ouvir) não tem nada a ver com rear (parte de trás; atrás). Se tiver dúvida, é só digitar as palavras lá no dicionário online para ouvir a pronúncia como manda o figurino, right?

Há ainda a diferença entre o som do “A” e do “E”, como em berry e Barry, mas isso é assunto que o Prof. Adir já tratou no webinário sobre pronúncia e fluência. Assista ao vídeo, assine o canal do YouTube e avalie a qualidade da aula. Obrigado!

Cf. KEEP CALM: como pronunciar as palavras com L mudo?

Cf. Como se pronuncia “HOUSE”? O “S” tem som de “Z”?

Cf. CERTIFICATE: qual é a pronúncia de CERTIFICATE?

Speak up! We’re listening…

O que você achou das dicas sobre a pronúncia de “Harry”? Nós do Tecla SAP gostaríamos de saber se as informações foram úteis para você aperfeiçoar seus conhecimentos de inglês. Escreva, por gentileza, comentário no rodapé da página. Muito obrigado pelo interesse.

5 1 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

16 Comentários
Newest
Oldest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
trackback

[…] o seu barato for curtir as Garotas Superpoderosas, a Moto Velocidade, Harry Potter ou os tanques da Segunda Guerra Mundial, não faz a menor diferença. O importante é que você […]

trackback

[…] Cf. Harry: a pronúncia de Harry e o R retroflexo […]

Eliana Bars
Eliana Bars
6 anos atrás

Foi muito útil e divertido! Adorei

Ulisses Wehby de Carvalho
Reply to  Eliana Bars

Eliana, tudo bem?

Obrigado pela visita e pelo comentário simpático. Volte mais vezes.

Abraços

Adriana Pereira Santos
6 anos atrás

Neuza,

Ficamos felizes que você tenha gostado. Volte sempre!

Abraços.

Ulisses Wehby de Carvalho

Berenice, tudo bem?

Obrigado pelo comentário. A dúvida que você levanta sobre a diferença de pronúncia entre o “A” em “BAD” e o “E” em “BED” está muito bem explicada neste vídeo:

https://www.teclasap.com.br/replay-do-webinario-para-quem-perdeu-a-aula-de-pronuncia/

Abraços

Cecilia
Cecilia
6 anos atrás

Obrigada mesmo por tudo, nunca tive tempo ou oportunidade para aprender ingles em uma escola, entao entendo muito mais do que falo! Claro as vezes da um branco! Lol …vcs sao demais!

Ulisses Wehby de Carvalho
Reply to  Cecilia

Cecília, tudo bem?

Obrigado mesmo pelo feedback simpático. É um prazer enorme saber que o conteúdo do blog está sendo bem aproveitado. Volte sempre!

Abraços

Ulisses Wehby de Carvalho

Marcos, tudo bem?

Obrigado pelo comentário. Faça um esforço consciente para omitir o “U” nessas palavras. Com o tempo, esse esforço passa a ser tão automático que nem dá para chamar de esforço mais… 😉

Volte sempre!

Abraços

Mariza Praun
Mariza Praun
6 anos atrás

Ufa! Pelo menos esse erro não estou cometendo! Valeu a pena testar.

Ulisses Wehby de Carvalho
Reply to  Mariza Praun

Mariza, tudo bem?

Obrigado pelo feedback. É bom saber que o texto foi útil para você. Volte mais vezes.

Abraços

Francisco
Francisco
6 anos atrás

Oi, Ulisses!
Quando disse “Muitos iniciantes, no entanto, acabam falando hound (cão farejador) quando querem, de fato, dizer round (redondo)” lembrei imediatamente de outro erro de pronúncia, que acho até muito mais comum: dizer head (cabeça) querendo na verdade dizer red (vermelho). Acho que nenhum iniciante escapou desse, certo? rs
Grande abraço

Ulisses Wehby de Carvalho
Reply to  Francisco

Francisco, tudo bem?

Exato. O tropeço é do mesmo tipo. Obrigado pela colaboração. Volte mais vezes.

Abraços

Ulisses Wehby de Carvalho

Bárbara, tudo bem?

Barry Kripke é nota 1000! 🙂

Obrigado pelas palavras simpáticas no seu comentário.

Abraços

Isa de Oliveira
Isa de Oliveira
6 anos atrás

Muito esclarecedor! Obrigada! =]

Ulisses Wehby de Carvalho

Isa, tudo bem?

Obrigado pela visita e pelo comentário simpático. Volte mais vezes.

Abraços