• Pingback: ()

  • Pingback: ()

  • Pingback: ()

  • José, tudo bem?

    Mais um mistério desvendado… Sempre tive vontade de ser Sherlock Holmes… 😉

    Obrigado pela gentileza de escrever um comentário para a gente. Agradeço em nome de toda a equipe de colaboradores.

    Abraços

  • Inclusive existe na música de Bob Marley-Johnny B. Goode: “Old engineer in the train sittin’ in the shade”. Bem explícito o maquinista.

    • Ulisses Wehby de Carvalho

      Leonardo, tudo bem?

      Obrigado pela contribuição. Volte sempre!

      Abraços

  • Barbara Pavani

    Pois é, essa eu não sabia! Eu sou engenheira ambiental, sempre achei que engineer é engenheiro….. Bom saber o significado e a tradução das palavras, principalmente quando elas tem mais de um, rs.

    • Ulisses Wehby de Carvalho

      Bárbara, tudo bem?

      Obrigado pelo feedback simpático. Valeu!

      Abraços

  • “tornar-se um engenheiro elétrico ou mecânico.”

    Só uma correção: o termo certo é ‘engenheiro eletricista’.

    • Ulisses Wehby de Carvalho

      Renan, tudo bem?

      Muito obrigado pela contribuição. Volte sempre!

      Abraços

  • I’m an engineer (the one who went to college, not the one who drives trains), I’m good with math and I love Tecla Sap!!

    Brincadeiras à parte, sou eng. Civil e sempre fico em dúvida sobre como dizer isso. Principalmente agora associando a palavra a “engine”, pois engenharia cvil não tem nada a ver com “engines”…

  • GABRIEL DINIZ

    Ulisses,
    como o Mitsuru Shimizu disse, principalmente em empresas do ramo de Tecnologia da Informação, o conceito de “Engineer” abrange outros profissionais alem dos da engenharia.
    Profissionais como os da área de desenvolvimento de softwares, bancos de dados, infra-estrutura de redes e outros da área de TI são generalizados como “engineers”
    Parabéns pelo Blog!

  • Mitsuru Shimizu

    Ulisses,
    Na prática, pelo menos na empresa onde eu trabalho (americana, sede no Vale do Silício), “engineer” se refere mais à função do que à formação da pessoa — lá, “engineer” é um funcionário que exerce uma posição técnica (normalmente ligada a projetos, desenvolvimento, operações). Acredito que o mesmo ocorra em outras empresas.
    Abraços, obrigado e parabéns pelo blog.

    • Mitsuru,

      Obrigado pela colaboração. Esse conceito de “engineer” também existe, mas não é a acepção mais comum da palavra. “Engineer” é, na maioria dos casos, quem é formado em engenharia. Volte sempre!

      Abraços a todos

  • Daniel

    Legal o artigo.

    Só um detalhe: o correto em português seria Eng. Eletricista (e não "Elétrico").

    Abs.

    • Daniel,

      Tudo bem? Obrigado pela contribuição. O texto é do livro da Isa Mara Lando e tenho certeza de que ela irá comunicar o equívoco à editora.

      Abraços a todos

  • Ulisses

    Romildo,

    Obrigado pela complementação das informações extraídas do livro de Isa Mara Lando. Saem ganhando todos os leitores do blog.

    Abraços a todos

  • Romildo Votto

    Aqui na Australia a palavra ENGINEER se refere tanto ao curso técnico como ao curso universitario.

    Para se referir ao curso universitário usa-se a expressao: ‘Professional Engineer’

  • Ulisses Wehby de Carvalho

    É possível receber as atualizações do blog por e-mail. Digite seu endereço eletrônico na seção “Atualizações” no menu à esquerda do blog.

    Abraços

  • Ulisses Wehby de Carvalho

    Lúcia,

    Agradeço as palavras simpáticas. É sempre bom saber que tem gente acompanhando o trabalho e aproveitando as dicas.

    Um grande abraço

  • Anonymous

    Ulisses, Queria receber “noticias do blog” por email, que nem tinha no blog antigo, tem essa opção?

  • Anonymous

    Prezado Ulisses,
    Também quero comentar que aprecio muito, muito mesmo o seu blog. Sempre com assuntos interessantes, úteis e de uma maneira leve e até bem humorada. Legal o fato de vc consultar diversos livros e indicar para o leitor e poupar muita pesquisa…e tudo isso grátis!
    O Newton, que me antecede no comentário, declara que estuda inglês há 5 anos…eu posso dizer que comecei aos 5 anos, com uma professora particular. E, mesmo aos 60…ainda aprendo muuuuito e agradeço a sua contribuição para mim e para todos.
    Congrats and tks
    Lúcia – [email protected]

  • Ulisses Wehby de Carvalho

    Newton,

    Obrigado mesmo pelas palavras tão gentis. Espero que você tenha sucesso em sua caminhada rumo ao aprimoramento da língua inglesa.

    Abraços a todos

  • Newton

    Acabo de conhecer o BLOG e estou maravilhado, parabéns ao amigo pelo esforço. Tenha certeza de que serei leitor assíduo e indicarei a muitos.
    Faço Inglês a 5 anos, graças a meu conhecimento em inglês (que ainda considero pequeno) estou trabalhando em uma empresa multinacional onde uso a lingua todos os dias.
    Mesmo usando bastante tenho muito a aprender. Na escola onde estudo (Wizard) o curso regular dura 10 módulos, estou entrando no nono e sei qeu não poderei parar por aí, a muito que aprender.
    Dicas como as do BLOG são preciosas, coisas que, creio eu, somente aprendemos morando fora ou pagando um professor particular.

    My best regards, I am really apreciating your job.
    Newton [email protected]