EFFING: como traduzir EFF e EFFING para português?

Tempo de leitura: 2 minutos

Effing by Jack Scholes

EFFING

effing

EFF e EFFING
[eufemismo para fuck e fucking]

  • There’s sweet eff all to do here!
  • Não tem porra nenhuma para fazer aqui!

Fuck, “foder”, é uma palavra inglesa considerada extremamente ofensiva. No início da década de 1960, para evitar a palavra feia e vulgar, foi inventado o eufemismo eff, como se fosse falar só a primeira letra, F. Eff é menos chocante, mas continua sendo um palavrão, já que todo mundo sabe qual é a palavra verdadeira. Além de ser usada para xingar, como por exemplo, “Eff off!” “Cai fora!”, pode ser usada para enfatizar algo, como por exemplo, It’s effing hot today! “Tá fazendo um puta calor hoje!”.


Palavrões em inglês sem censura! Só para maiores!

Este vídeo contém os principais palavrões da língua inglesa com tradução sem filtro! O conteúdo é dirigido ao público adulto que tem maturidade e discernimento para saber que não estou fazendo apologia ao uso de palavras e expressões vulgares. Não assista ao vídeo se você não se enquadrar nesse perfil.

Não se deixe iludir pelas traduções filtradas de legendas de filmes e séries! Lembre-se de que você tem controle sobre o que fala, mas não sobre o que ouve. Por essa razão, é muito importante conhecer o verdadeiro significado dessas palavras e expressões.

Curta, comente e compartilhe o vídeo com os amigos. Clique aqui e confirme para se inscrever gratuitamente no canal do Tecla SAP no YouTube. Bons estudos!


Cf. FUCK: origem, significados e usos do palavrão mais conhecido

Cf. Micos em inglês: IT’S FRICKING COLD!

Cf. MOTHERFUCKER significa o quê? Como traduzir esse palavrão?

Referência

Why do we say that? Por que dizemos isso? – A origem e o significado de palavras e expressões do inglês do dia a dia, de Jack Scholes – Editora Campus/Elsevier, 2009. Adquira seu exemplar com comodidade e total segurança no site da Disal Distribuidora.

Importante

Longe de querer fazer apologia ao uso de palavras de baixo calão, a intenção é esclarecer mostrando como e onde usar e, principalmente, onde não usar essas expressões. O conhecimento sempre foi e continua sendo a melhor alternativa à ignorância. Não pense, portanto, que por escutar estes termos com frequência em filmes, letras de música etc. fica “engraçadinho” usá-las no idioma inglês em qualquer situação. Se necessário, use-as com cautela.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

22 Comentários
Newest
Oldest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Ulisses Wehby de Carvalho
Ulisses Wehby de Carvalho
5 anos atrás

Victor, tudo bem?

Muito obrigado pela participação. Volte mais vezes.

Abraços

trackback

[…] Cf. Como traduzir “EFF” e “EFFING” para português? […]

Ulisses Wehby de Carvalho
Ulisses Wehby de Carvalho
5 anos atrás

Hi Poliana!

Thanks for taking the time to write.

Take care

Ulisses Wehby de Carvalho
Ulisses Wehby de Carvalho
6 anos atrás

Tati, tudo bem?

Obrigado pelo comentário lúcido. Concordo plenamente. Volte mais vezes e comente sempre que puder.

Abraços

Sergio Reis
Sergio Reis
8 anos atrás

Imagina se fuck não fosse ofensivo entao. Em Dublin a cada 10 palavras 8 é fuck. Todas palavras se conjuga com Fucking

Danilo Davanzo
Danilo Davanzo
8 anos atrás

Eufemismos no uso do palavrão original (fuck) têm aos montes, em todas as línguas, e o que mais se aproxima do “eff”, na minha opinião, em Português, é o tão comum “fu”.
“Eu quero que se fu” ou, diante de uma situação desconcertante, simplesmente “agora fu”.

Josh from RLE
9 anos atrás

Ola Ulisses,

Estou lendo e gostando seu livro de micos. É bom que você cometeu os erros e escreveu um livro para que seus leitores podem evitar cometendo os mesmos errores.

Eu li encima a tradução de “vai se effar” para “eff off,” mas será que alguem vai me entender se eu falesse isso?

Valeu,
Josh

Elizabeth
Elizabeth
9 anos atrás

Ola Ulisses,
gostaria de dizer muito obrigada pelo livro. Alem de aprender com os erros dos outros ( muitos deles parecidos com os meus KKK)
estou me divertindo muito. Parabens pela iniciativa.

Elizabeth – Canada.

Ricardo Ribeiro
Ricardo Ribeiro
10 anos atrás

Oi Ulisses!!

Acompanho o Tecla Sap desde a década de 90. Morei nos Estados Unidos um total de 5 anos em vários locais a partir de 2001, depois de ter lecionado inglês no Brasil por 6 anos. Pude constatar que por mais que tenhamos estudado no Brasil, quando travamos contato com a língua viva, a história é muito diferente. O Tecla Sap é muito útil como ferramenta para evitar micos e ajudar a compreender certos aspectos culturais que só se percebe quando se vive em meio aos nativos. Dou meus parabéns a você, pelo pioneirismo e a sua diligência em manter este ponto de apoio a todos que precisam, precisaram, ou virão a precisar de esclarecimentos e todo tipo de auxílio com o idioma de Shakespeare. Louvo sua dedicação e aplaudo seus excelentes serviços durante todo este tempo. Sou seu fâ e caso precise de algum auxílio, colaboração que esteja ao meu alcance, estou a disposição.

Grande abraço!!

Ricardo/RJ

Karina
Karina
10 anos atrás

Ulisses, você é sensacional! Obrigada por compartilhar seu vasto conhecimento com seus seguidores.
A propósito, divertidíssimo o jeito como você escreve esses palavrões… rsrsrs…

Fabio
Fabio
10 anos atrás

Eu acho que a coisa mais útil que faço no twitter é acompanhar o @teclasap. Sempre enriquecendo e me ajudando bastante nessa árdua tarefa de aprender inglês sem grana! Porém hoje em dia, só não aprende quem não quer, a informação ta aí, é só aproveitá-la!
abraços Ulisses.

Rodrigo Lennon Cavalcante
Rodrigo Lennon Cavalcante
11 anos atrás

Vai se effar foi otimo

Alberto S Villares
Alberto S Villares
11 anos atrás

Ulisses
faz tempo que devo um colossal obrigado e
um enorme parabens

Miriam
Miriam
12 anos atrás

Olá Ulisses

Concordo plenamente com você ,sobre ensinar todo tipo de vocabulário para nossos alunos, porém enfatizando que nem tudo o que vemos nos filmes ou ouvimos nas músicas pode ser repetido em qualquer ocasião . Alguns alunos creem que falar palavróes sem critério , significa que eles estão falando como nativos. Cabe a nós professores, orientá-los também sobre comportamento, para que eles não se coloquem em situações constrangedoras.

Abraços e obrigada pela sua colaboração

Emanuel Fagundes
12 anos atrás

Que legal… seria algo como “vai se efar” no português lol
E você tem razão sobre esse negócio dos filmes, tem muita gente que vê nos filmes e acha que não tem problema nenhum em falar daquele jeito, e às vezes acaba se dando mal.