Slang – Gírias Atuais do Inglês: resenha do livro de Jack Scholes

Tempo de leitura: 1 minuto

Slang – Gírias Atuais do Inglês
Jack Scholes, Disal Editora, 2004
Resenha feita por Ulisses Wehby de Carvalho

Compre na Amazon.

Slang – Gírias Atuais do Inglês

Slang - Gírias Atuais do Inglês

Durante muito tempo, acreditou-se que valia a pena estudar somente a vertente mais formal – a linguagem escrita – da língua inglesa. Embora muita gente tenha sido levada a crer nesses princípios, felizmente, esse fenômeno vem perdendo força. Profundas mudanças ocorridas no mundo moderno transformaram o uso do idioma, fazendo com que as expressões informais passassem a ser aceitas como parte integrante do inglês atual. A gíria, portanto, passou a ser ainda mais importante por capacitar o falante da língua, ampliar suas habilidades, enriquecer seu vocabulário e, por conseguinte, lhe dar a confiança necessária para estabelecer uma comunicação fluente e eficaz. O mais recente livro de Jack Scholes, Slang – Gírias Atuais do Inglês, vem confirmar essa tendência.

Vale lembrar que palavras e expressões de moda passageira não foram incluídas no livro. É também importante salientar que todos os verbetes são traduzidos para o português, o que facilita sobremaneira a compreensão exata por parte dos brasileiros. Segue-se um exemplo do uso em frases completas que também são traduzidas para maior clareza. Cada verbete é acompanhado de explicações, outras expressões relacionadas e, quando apropriado, remissões a outros verbetes correlatos citados no livro. O glossário Português-Inglês facilita seu uso e oferece uma forma rápida de achar o equivalente em inglês para a palavra procurada em português.

O estudo de qualquer língua estrangeira é fascinante e também deve ser um prazer. Escrito em um estilo leve e bem-humorado, característico do autor, o livro de Jack Scholes cumpre brilhantemente seu propósito: nos diverte e nos informa ao mesmo tempo. E o que é melhor, sem preconceitos!

Compre na Amazon.

O autor da resenha

Ulisses Wehby de Carvalho é intérprete de conferências e autor.