Nota fiscal: como dizer “nota fiscal” em inglês?

Tempo de leitura: 4 minutos

Ron Martinez

Nota fiscal

Como se diz “nota fiscal” em inglês?

nota fiscal

A nota fiscal é apenas um dentre os inúmeros itens que o empreendedor brasileiro precisa satisfazer e conseguir para abrir um negócio. Além de alvarás, licenças, registros e demais documentos exigidos para dar vida a uma empresa no Brasil, é necessário mandar imprimir um talão de notas fiscais. Para isso, o empresário precisa, primeiro, pedir a Autorização de Impressão de Documento Fiscal (AIDF) em um posto fiscal da Secretaria da Fazenda. Uma vez concedida a autorização, o empresário pode solicitar a impressão das notas fiscais, porém, não pode usar qualquer gráfica, precisa ser uma credenciada por meio de parecer técnico emitido pela Associação Brasileira de Tecnologia Gráfica (ABTG), pela Associação Brasileira da Indústria de Formulários, Documentos e Gerenciamento de Informação (Abraform). Ufa!

Por que existe nota fiscal?

O sistema de emissão de notas fiscais existe no Brasil para facilitar a fiscalização das empresas e limitar a sonegação. É ilegal vender produto ou serviço sem emitir nota fiscal. Em muitos países, emitir ou não uma nota geralmente fica ao critério de cada empresa. Pela Receita Federal dos Estados Unidos, por exemplo – o Internal Revenue Service -, é apenas exigido que o livro de caixa seja meticulosamente mantido, em caso de a empresa ser fiscalizada, ou seja, é um sistema flexível que funciona, essencialmente, com base na confiança na honestidade do empresário. Claro que existe sonegação, mas existe no Brasil também, apesar do controle imposto pelo talão. Hoje, em certos setores no Brasil, existe a “nota fiscal eletrônica”, o que impõe fiscalização ainda mais rígida.

Receipt x Invoice

Em inglês, existem apenas dois tipos de comprovante de compra e venda: receipt (recibo) e invoice (fatura). Geralmente, os dois têm igual valor fiscal, desde que constem, de forma legível, informações como valor, natureza da transação, nome da empresa e dados para contato. Portanto, traduzir “nota fiscal” em inglês resulta em tarefa fictícia, mas possível. Como invoice é basicamente um receipt que discrimina a natureza do produto vendido, talvez esse seja um termo apropriado.

Mercadorias ou serviços?

O problema é que invoice em inglês somente é emitida na venda de mercadorias, não de serviços. No Brasil, a nota fiscal pode ser exigida nos dois casos. Além disso, mesmo sendo emitida para mercadorias, o uso de invoice é limitado a mercadorias de natureza específica. Enquanto no Brasil um cliente pode comprar apenas um par de meias no shopping e pedir uma nota fiscal da loja, solicitar invoice na mesma situação nos Estados Unidos seria simplesmente esdrúxulo. As invoices, então, são usadas principalmente na compra e na venda a atacado de fornecedores. Lá, para serviços e vendas ao consumidor, simplesmente usa-se o receipt. Portanto, pelo menos dois termos em inglês serão necessários:

  • nota fiscal (mercadorias)
  • tax invoice
  • Os policiais pararam os caminhões para verificar as notas fiscais.
  • The police stopped the trucks in order to check their tax invoices.
  • nota fiscal (serviços, varejo)
  • tax receipt
  • É melhor pedir uma nota fiscal para poder declarar isso como despesa.
  • I’d better get a tax receipt in order to claim this as an expense.

A inclusão da palavra tax (imposto) é o mais importante. Os termos tax invoicetax receipt refletem o propósito da nota fiscal, cuja existência é vinculada à declaração dos impostos.

Agora só resta saber como traduzir “notinha”.

Cf. Falsos cognatos: TAX

Cf. Falsos cognatos: RETURN

Cf. O que a sigla “VAT” quer dizer?

Cf. Como traduzir “ICMS” para inglês?

Speak up! We’re listening…

Você tinha dúvida para dizer “nota fiscal” em inglês ou não? As explicações foram úteis? Tem alguma outra sugestão de tradução? Nós do Tecla SAP gostaríamos muito de saber a sua opinião. Escreva um comentário no rodapé da página, por favor. Participe! Muito obrigado.

Referência

Como se diz chulé em inglês?, de Ron Martinez – Editora Campus/Elsevier, 2007. Leia a resenha para obter mais informações sobre a obra. Adquira seu exemplar com conforto total e segurança absoluta no site da Disal Distribuidora.