PRESERVATIVE: como traduzir esse falso cognato?

Tempo de leitura: 2 minutos

Ulisses Wehby de Carvalho

PRESERVATIVE

Como traduzir o falso cognato preservative?

preservative

À primeira vista, a palavra preservative pode nos dar a impressão de significar “preservativo”. Na verdade, preservative é um produto químico para conservar alimentos, portanto, a tradução mais indicada é “conservante”. Para dizer “preservativo” em inglês, use a palavra condom.

  • Sulphur dioxide has been used as a food preservative for many years.
  • Dióxido de enxofre vem sendo usado há muitos anos como conservante de alimentos.

Você pode nem achar muita graça na piada “GREAT TRUTHS ABOUT GROWING OLD: Forget the health food. I need all the preservatives I can get.” mas pelo menos ela faz sentido agora, não é?

Cf. Qual é a gíria em inglês para “camisinha”?

Cf. DUREX não significa “fita adesiva” em inglês!

Cf. Relação biunívoca não funciona no aprendizado de inglês…

Speak up! We’re listening…

A equipe do Tecla SAP quer muito saber o que você achou da dica sobre o falso cognato preservative. O conteúdo deste post foi de alguma maneira útil para você ampliar seu vocabulário e seus conhecimentos da língua inglesa? Envie, por favor, sua resposta na seção de comentários, no rodapé da página. Nunca é demais dizer que sua participação é fundamental para um blog educacional como o Tecla SAP. Muito obrigado pelo interesse.

Google+, YouTube, Twitter e Facebook

Vai ser muito legal continuar essa conversa nas redes sociais! São várias as opções para você não deixar seu inglês enferrujar:

  • Inscreva-se no canal do Tecla SAP no YouTube.
  • Siga a conta @teclasap no Twitter / Periscope.
  • Curta nossa fanpage no Facebook.
  • Adicione meu perfil no Google+.
  • Adicione meu perfil no LinkedIn.
  • Este é o link para você me adicionar no Instagram.

Ficou faltando falar de alguma rede social? 😉 Agora você só não mantém contato com a língua inglesa se não quiser! A gente se fala. O assunto dessas conversas pode ser o falso cognato preservative ou qualquer outro que você preferir. Muito obrigado pela participação.

Referência

Guia Tecla SAP: Falsos Cognatos, de Ulisses Wehby de Carvalho – © Tecla SAP, 2013. Leia a resenha.