THEM x THEN x THAN: qual é a diferença de pronúncia?

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Ulisses Wehby de Carvalho

THEM x THEN x THAN

them x then x thanTenha atenção quando falar qualquer uma das três palavras acima, pois elas são pronunciadas de forma diferente. Nas três, o som do “TH” é idêntico ao da palavra “THEY”, ou seja, coloque a língua entre os dentes e procure imitar o som de uma abelha. Por razões óbvias, recomendo esta prática sempre que não houver ninguém por perto.

Até aí, nada de novo, pois você já deve ter sofrido bastante para falar corretamente as palavras “THAT”, “THIS”, “THOSE” etc., não é mesmo? O que talvez seja novidade para você é o fato de as consoantes finais serem pronunciadas bem nitidamente na língua inglesa e não terem um som anasalado. Procure se lembrar daquela vez em que você ouviu um gringo perguntando “Tudo bem?”. Em português, produzimos um som anasalado quando falamos palavras terminadas em “M”. Faça o teste você mesmo: diga “vendem”, “também”, “cantam” etc. esticando o som da sílaba final. Agora tampe o nariz. Notou a diferença? Entretanto, na língua inglesa, pronuncie o “M” final com som de “M” mesmo, fechando bem os lábios. O mesmo se aplica ao “N” final. Se tiver acesso à Internet, faça a comparação entre o som de “THEM” e “THEN” consultando um dicionário online como, por exemplo, o Merriam-Webster. Aproveite para conferir também a diferença entre “THEN” e “THAN” (o som do “A” fica entre “é” e “a”, ou seja, um pouco mais aberto do que o “e” em “THEN”). Depois de fazer as comparações, leia a frase do exemplo e capriche na pronúncia.

Cf. Pronúncia: CLOTHES

  • I don’t miss them. I am more active now than then.
  • Não sinto a falta deles. Estou mais ativo agora do que naquela época.

Cf. Textos Mastigados – Agora com áudio!

Cf. A pronúncia do “TH” em inglês: dicas e macetes

Gostou das dicas? Se você também acha importante a divulgação de conteúdo educacional na Internet, faça a sua parte e clique no ícone da rede social de sua preferência, à esquerda. Muito obrigado pela participação.

Referência: “Guia Tecla SAP: Pronúncia“, de Ulisses Wehby de Carvalho, ©Tecla SAP, 2012. Leia a resenha.